Translate

domingo, 6 de setembro de 2015

Auto Perdão





Auto Perdão

Uma pessoa vai fazer uma visita a um amigo. Chegando na casa derruba um vaso chinês de 5 mil dólares. Pede perdão e o amigo perdoa. E fala o seguinte: “Esta perdoada, mas faz um cheque para pagar o vaso”. O perdão é o amor incondicional, mas o prejuízo tem de ser pago.
Muitas vezes a pessoa fica na culpa e na auto condenação eterna. E não se perdoa, nem pede perdão e nem paga o prejuízo. Essa situação pode perdurar indefinidamente se não houver uma ajuda externa (amor incondicional).

Vejamos um exemplo:

Numa caverna no astral estão inúmeros espíritos amontoados como é mostrado nos filmes sobre campos de concentração com os mortos empilhados na vala comum. Uns sobre outros até o topo. Só que nessa caverna eles estão vivos, pois são espíritos e espíritos nunca morrem. Só existe vida. Morte não existe. Esses espíritos estão num tal estado de culpa e auto condenação que caíram num nada psicológico e emocional de onde não saem. É mais que um buraco, mais que um vazio, é literalmente um nada. Só existem. Porque não conseguem morrer, mas a mente está no nada. Vegetando literalmente. Se esses espíritos são retirados e espalhados no chão um ao lado do outro (para serem ajudados) imediatamente eles voltam a se empilhar (a vontade faz isso) e ficam como estavam. Uns grudados nos outros empilhados. É a única coisa que querem. É instintivo. Ficam grudados para terem um mínimo de contato (de amor). Eles não entendem isso. Só sentem a necessidade de estarem grudados para amenizar a culpa, a dor e a auto condenação. Ainda bem que fazem isso, pois assim ainda existe esperança. Ainda querem ficar juntos e se sentem melhor assim. Qual a solução? Como ajuda-los? A única forma é emitir uma onda de amor incondicional tão forte que faz com que saiam do estupor em que se encontram (uns mais e outros menos). Uma onda de vida entra neles e são “mexidos”. Agitam-se porque é muito amor que entrou (uma dose gigantesca numa determinada frequência). Em seguida é possível enviar uma onda magnética que transmuta e transcende a culpa e a auto condenação para que comecem a sentir e pensar novamente. E assim saiam deste estado letárgico. Quando a primeira onda entrou um Sol apareceu na parede da caverna. O Sol é o amor que foi enviado. Depois de tudo isso vem a recuperação e o agir para compensar os débitos passados.

Este é apenas um exemplo das infinitas possibilidades tanto de auto condenação como de redenção.

Hélio Couto
www.cursosheliocouto.com.br
www.heliocouto.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário


ATENÇÃO

Videos editados I

Ninguém está autorizado a editar meus vídeos e fazer montagens, cortes, adições ou qualquer outra manipulação com as imagens das palestras.

Somente com autorização por escrito alguém pode usar minhas imagens.

Isso já foi dito na palestra passada e já postei sobre isso.

Quem está fazendo isso está prejudicando o trabalho.

Existe uma estratégia de divulgação feita por mim e que está sendo seguida à risca.

Todos os vídeos editados por outras pessoas devem ser tirados de qualquer mídia em que estiverem.

Postagens populares

Marcadores

mecânica quântica (141) crenças (88) prosperidade (49) como criar prosperidade (43) auto-sabotagem (26) consciência (25) centelha divina (24) arquétipos (22) resistência ao crescimento (22) canalização (21) ego (21) dinheiro (19) sistema de crenças (19) crenças que criam prosperidade (17) dívidas (17) co-criador consciente (16) igreja cristã de aton (16) aurora dourada de uma nova era (15) 2012 (14) depois de 2012 (14) realidade última (14) economia (13) expansão de consciência (12) mandala do lírio (12) relacionamentos afetivos (12) experimentos da mecânica quântica (11) iluminação espiritual (11) 21 de dezembro de 2012 (10) a verdade e a liberdade do lírio (10) espiritualidade (10) extraterrestres (10) gerenciamento quântico (10) revolucionário quântico (10) Deus (9) Leitura (9) colapso da função de onda (9) negócios quânticos (9) protocolo de relacionamentos (9) zona de conforto (9) a teoria do caos (8) poder divino criativo (8) somatização (8) O amor do lírio (7) a bioquímica do amor (7) catarse (7) ciência e espiritualidade (7) cérebro reptiliano (7) o equilíbrio de nash (7) transferência de consciência (7) ansiedade (6) preconceitos (6) tabus (6) efeito zenão (5) experimento da fenda dupla (5) líria (5) medo (5) o mestre (5) outras dimensões (5) vida após a morte (5) a evolução do processo da rh (4) eletro-magnetismo (4) fenda dupla (4) magia (4) protocolo (4) agenda reptiliana (3) as chaves de nefertiti (3) as máscaras de Deus (3) atendimento (3) contabilidade cósmica (3) educação (3) energia sexual (3) estado de consciência (3) eu sou (3) manifesto quântico (3) pnl (3) suicídio (3) traumas (3) vácuo quântico (3) yin yang (3) a criança índigo (2) arqueologia secreta (2) causa e efeito (2) depressão (2) nefertiti (2) osho (2) princípio da incerteza (2) mensagem de Líria (1) mensagem do pai (1) realidades paralelas (1)