Translate

segunda-feira, 21 de janeiro de 2019

Orai e vigiai



“Orai e vigiai”


A mais próxima dimensão terrestre está habitada por diversos seres do tipo:

Dragões

Magos Negros

Sombras

Vampiros

Artificiais

Etc.

Estes seres negativos trabalham dia e noite nas cidades em que vivem, em cavernas, fortalezas profundamente enterradas na Terra, etc. O objetivo deles é o poder absoluto na Terra. Para isso usam de todo o conhecimento e poder que possuem. A única coisa em que pensam é Poder. São totalmente focados nisso, 24 horas por dia. 

Combatem o tempo todo os emissários do Cordeiro.

Usam todos os meios que podem para controlar os encarnados no planeta Terra. Meios que parecem ficção científica para os terrestres.

O Mestre disse a dois mil anos: “Orai e vigiai”. Porque sabia como é a realidade nua e crua. Quando os humanos baixam a guarda e deixam a própria mente divagar em coisas ociosas, negativas e etc., abrem a porta para as obsessões. É preciso controlar a própria mente o tempo todo. 24 horas por dia. 

Existem inúmeros seres que nos protegem o tempo todo, mas esses seres dependem de que os humanos queiram proteção. É impossível proteger alguém o tempo todo que não quer ser protegido. É preciso pedir proteção. É preciso orar e é preciso vigiar o tempo todo. Fazendo isso os problemas serão mínimos. Ou nem existirão.

Quando os humanos colocam o Amor Incondicional em primeiro lugar eles elevam a vibração da própria aura e isso afasta os negativos. Eles não suportam a Luz. Para isso é preciso pôr a mente no Todo. Estar em união com o Todo sempre.

A Luz sempre vence. O poder do Todo é infinito. Mas, os negativos não entendem ou não aceitam isso.

Vejamos um exemplo de não vigilância: um jovem bebe e usa drogas. Sua mãe sempre procura orienta-lo para o bem, mas ele não escuta. Continua nessa vida com os “amigos” achando que pode viver assim para sempre. As orações da sua mãe e dos amigos verdadeiros estão mantendo-o longe das consequências. Por isso ele acha que nada acontecerá. Nunca teve uma passagem na polícia. Até que um dia ele em estado drogado discute com um “amigo” também drogado e rouba o celular deste “amigo”. É preso e recebe uma condenação de 5 anos e 4 meses. Cumpre a pena numa penitenciária e é solto em liberdade condicional. Sua mãe e parentes continuam ajudando sempre. Começa a trabalhar e parece que se afastou dos “amigos”. Até que um dia resolve beber com eles. É uma sexta-feira e passam a noite bebendo e festejando. Sua mãe pediu que ele não saísse de casa, mas ele foi com os “amigos”. Na manhã seguinte um dos “amigos” fala para dois deles irem comprar bebida no supermercado. E pra pegarem o carro deste que manda comprar bebida. Vão os dois comprar a bebida. O jovem vai de passageiro. No meio do caminho a polícia para o carro. E o carro era roubado. O jovem não sabia disso. Confio no “amigo”. Vai preso e recebe uma pena de 9 anos e 4 meses. Este jovem foi alertado inúmeras vezes para se afastar desses “amigos”. Sua falta de vigilância provocou essa situação. Agora a mãe e todos os parentes sofrem por isso. Imaginem a dor desta mãe se puderem.

Outro caso: atualmente é comum as festas de adolescentes sem que haja nenhum adulto ou pais presentes na festa. Só pré-adolescentes ou adolescentes numa casa sozinhos. Inúmeros pais comentam isso comigo. Essa situação foi posta no filme “A pele que habito” com Antônio Banderas. Nesse filme o diretor coloca até a fórmula química que usam nas drogas que consomem. O “boa noite Cinderela” e outras iguais como o anestésico usado em veterinária. De madrugada a filha liga para a mãe busca-la. A mãe vai e bate na porta da casa. Todos os portões estão fechados. Um jovem atende a porta e manda a mãe esperar na rua. Ela não pode entrar na casa. Esse tipo de situação acabará levando à que consequência?

Outro caso: um filho de 18 anos fala os piores palavrões na frente da mãe. Não existe mais nenhum respeito pelos pais. Quando se fala palavrão emite-se uma frequência extremamente negativa. Essa frequência atrai os obsessores. Abre a porta para a ação desses predadores. Este jovem também está sendo protegido pelas orações da mãe e dos amigos verdadeiros. Só que até quando é possível manter os obsessores afastados se o livre arbítrio do jovem continua falando palavrões. 

Portanto, quando se fala “Orai e vigiai” não é uma carolice de velhinhas que estão fora de moda. É a experiência de toda uma vida que sabe das consequências de não se ligar no Todo.



Hélio Couto

Nenhum comentário:

Postar um comentário


ATENÇÃO

Videos editados I

Ninguém está autorizado a editar meus vídeos e fazer montagens, cortes, adições ou qualquer outra manipulação com as imagens das palestras.

Somente com autorização por escrito alguém pode usar minhas imagens.

Isso já foi dito na palestra passada e já postei sobre isso.

Quem está fazendo isso está prejudicando o trabalho.

Existe uma estratégia de divulgação feita por mim e que está sendo seguida à risca.

Todos os vídeos editados por outras pessoas devem ser tirados de qualquer mídia em que estiverem.

Postagens populares

Marcadores

mecânica quântica (140) crenças (88) prosperidade (49) como criar prosperidade (43) auto-sabotagem (26) consciência (25) centelha divina (24) arquétipos (22) resistência ao crescimento (22) ego (21) canalização (20) dinheiro (19) sistema de crenças (19) crenças que criam prosperidade (17) dívidas (17) co-criador consciente (16) igreja cristã de aton (16) aurora dourada de uma nova era (15) 2012 (14) depois de 2012 (14) realidade última (14) economia (13) expansão de consciência (12) mandala do lírio (12) relacionamentos afetivos (12) experimentos da mecânica quântica (11) iluminação espiritual (11) 21 de dezembro de 2012 (10) a verdade e a liberdade do lírio (10) espiritualidade (10) extraterrestres (10) gerenciamento quântico (10) revolucionário quântico (10) Deus (9) Leitura (9) colapso da função de onda (9) negócios quânticos (9) protocolo de relacionamentos (9) zona de conforto (9) a teoria do caos (8) poder divino criativo (8) somatização (8) O amor do lírio (7) a bioquímica do amor (7) catarse (7) ciência e espiritualidade (7) cérebro reptiliano (7) o equilíbrio de nash (7) transferência de consciência (7) ansiedade (6) preconceitos (6) tabus (6) efeito zenão (5) experimento da fenda dupla (5) líria (5) medo (5) o mestre (5) outras dimensões (5) vida após a morte (5) a evolução do processo da rh (4) eletro-magnetismo (4) fenda dupla (4) magia (4) protocolo (4) agenda reptiliana (3) as chaves de nefertiti (3) as máscaras de Deus (3) atendimento (3) contabilidade cósmica (3) educação (3) energia sexual (3) estado de consciência (3) eu sou (3) manifesto quântico (3) pnl (3) suicídio (3) traumas (3) vácuo quântico (3) yin yang (3) a criança índigo (2) arqueologia secreta (2) causa e efeito (2) depressão (2) nefertiti (2) osho (2) princípio da incerteza (2) mensagem de Líria (1) mensagem do pai (1) realidades paralelas (1)