Translate

terça-feira, 25 de dezembro de 2012

Cinco dias depois de 21 de dezembro de 2012

Cinco dias depois de 21 de dezembro de 2012

Depois  de cinco dias temos a seguinte situação:
A catarse global está em andamento, mas a resistência aumentou.  A informação  de cura e transformação está penetrando profundamente na psique mundial.  O ego das pessoas que estão dentro do paradigma atual não entende o que está acontecendo e  não quer ceder nada do território que já conquistaram. Isto é, o mundo todo. O paradigma do cérebro reptiliano é baseado na conquista de mais e mais poder.  Vocês podem notar isso em todo o planeta.  Desde o mais alto nível até a mais ínfima aldeia. Basta que vocês façam uma simples experiência de crescer um pouco, em qualquer nível ou área, e sentirão a oposição dos que já estão no poder. Alguns podem chamar isso de competição, mas competição é um conceito que permite a diversidade de opiniões e culturas. O que acontece é o contrário. A supressão de qualquer diversidade não é competição. É uma eliminação de qualquer oposição ao domínio supremo do cérebro reptiliano. 
Experimente na sua área de atividade, seja ela qual for, desenvolver uma nova técnica, produto, serviço, diversidade cultural, e verá a reação dos demais. Em todos os níveis. Algumas pessoas dirão que as pessoas são conservadoras. Isso é apenas uma desculpa. Na verdade não se aceita a mudança para melhor. Fala-se de mudança, mas não se explica mudar para que? O que será colocado no lugar do antigo? Essa é uma estratégia de marketing muito eficiente. Fala-se de mudança, mas não se explica nada mais. Só que quando a pessoa acredita nisso e faz alguma coisa nova, ela imediatamente sente a reação contrária para erradicar qualquer tentativa de mudar a situação. O status quo.
Some-se a isso a tendência das pessoas à auto-sabotagem e teremos a receita perfeita de um mundo completamente avesso à evolução. Só há evolução no que respeita aos interesses do cérebro reptiliano. Mais poder. É por isso que você vê o grande avanço que há na eletrônica e informática, e praticamente nada nas outras áreas do conhecimento. Se pegarmos a taxa de crescimento da eletrônica, veremos que é exponencial, mas na mecânica por exemplo, nem de longe chega perto. E isso acontece em todas as áreas. Veja o progresso na miniaturização dos chips. Dos circuitos integrados. Isso mostra que quando interessa o avanço é enorme e quando não interessa ficamos na Idade Média.
Para que haja evolução é preciso que o que já existe seja avaliado e revisto. Analisa-se profundamente o que somos e adotamos uma nova atitude ou paradigma, que promova mais evolução. Isso em  psicanálise chama-se catarse. Um conteúdo profundo do inconsciente é deixado vir à tona para o consciente, para ser trabalhado, analisado, elaborado e assimilado; gerando uma nova visão de mundo e novo crescimento para a pessoa. Isso vale para as empresas, países e instituições. Quaisquer que sejam. Esse é um processo inevitável para se ter crescimento e evolução. O contrário é a estagnação.  E estagnação é decadência e morte.
A tendência de fazer o menor esforço é um problema seriíssimo quando se fala de catarse e evolução. Esse menor esforço é em todas as áreas: intelectual, emocional, profissional, etc. Ignorar o que acontece no mundo colocando o foco apenas nos divertimentos e interesses profissionais imediatos é o puro suicídio coletivo. Um amigo meu formado a mais de 30 anos comentou que um colega não lê nada sobre a profissão desde que se formou. Como se classifica isso? Zona de conforto, auto-sabotagem, o que? E esse caso é uma pessoa numa profissão técnica. Essa pessoa está 30 anos defasada em relação aos colegas e à ciência da sua especialidade.
Agora, imagine mais de 7 bilhões sem saber nada sobre a maior descoberta da ciência.  A descoberta mais fundamental da ciência, que é a Mecânica Quântica, é ignorada pela quase totalidade dos seres humanos. A descoberta que muda tudo, que muda a visão de mundo da Idade Média é ignorada, que provocaria uma revolução em todas as outras ciências é ignorada,  que provocaria uma reavaliação de todas as concepções espirituais da humanidade é ignorada. Por que?
Porque muda todo o status quo. Muda tudo que está estabelecido. Portanto, para o que está estabelecido não importa a evolução e o crescimento. Só a manutenção do que já existe.  A questão que está colocada agora é que isso não é mais possível. O tempo da estagnação, da Idade Média acabou. Levamos milênios para chegar aqui. Incontáveis pessoas morreram e sofreram por causa da manutenção do status quo. Em função dos que impediram a evolução.
Quando a pessoa entra num processo mental de fuga para dentro de si mesmo, num delírio sem fim, somente uma força externa pode mudar isso e tira-lo deste afundamento perpétuo em direção à loucura. Da mesma forma nas civilizações acontece o mesmo. Somente uma força externa pode evitar a auto-destruição. A informação que está entrando agora no planeta depois de 21 de dezembro de 2012 é a energia que salvará a humanidade da auto-destruição. É inevitável que haja resistência, mas resistir é inútil. Só causará mais sofrimento para quem resiste. Que cada um analise como está reagindo à mudança que está sentindo na frequência do planeta. E perceba se está aceitando a mudança ou resistindo. Sinta o que está sentindo. Essa é a chave para saber de que lado está em relação à evolução do planeta.
Ou não sentiram a gigantesca mudança de vibração que está em andamento?

Direitos Autorais:
Copyright © Hélio Couto. Todos os direitos reservados.
Você pode copiar e redistribuir este material contanto que não o altere de nenhuma forma, que o conteúdo permaneça completo e inclua esta nota de direito e o link: www.heliocouto.com



Nenhum comentário:

Postar um comentário


ATENÇÃO

Videos editados I

Ninguém está autorizado a editar meus vídeos e fazer montagens, cortes, adições ou qualquer outra manipulação com as imagens das palestras.

Somente com autorização por escrito alguém pode usar minhas imagens.

Isso já foi dito na palestra passada e já postei sobre isso.

Quem está fazendo isso está prejudicando o trabalho.

Existe uma estratégia de divulgação feita por mim e que está sendo seguida à risca.

Todos os vídeos editados por outras pessoas devem ser tirados de qualquer mídia em que estiverem.

Postagens populares

Marcadores

mecânica quântica (141) crenças (88) prosperidade (49) como criar prosperidade (43) auto-sabotagem (26) consciência (25) centelha divina (24) arquétipos (22) resistência ao crescimento (22) canalização (21) ego (21) dinheiro (19) sistema de crenças (19) crenças que criam prosperidade (17) dívidas (17) co-criador consciente (16) igreja cristã de aton (16) aurora dourada de uma nova era (15) 2012 (14) depois de 2012 (14) realidade última (14) economia (13) expansão de consciência (12) mandala do lírio (12) relacionamentos afetivos (12) experimentos da mecânica quântica (11) iluminação espiritual (11) 21 de dezembro de 2012 (10) a verdade e a liberdade do lírio (10) espiritualidade (10) extraterrestres (10) gerenciamento quântico (10) revolucionário quântico (10) Deus (9) Leitura (9) colapso da função de onda (9) negócios quânticos (9) protocolo de relacionamentos (9) zona de conforto (9) a teoria do caos (8) poder divino criativo (8) somatização (8) O amor do lírio (7) a bioquímica do amor (7) catarse (7) ciência e espiritualidade (7) cérebro reptiliano (7) o equilíbrio de nash (7) transferência de consciência (7) ansiedade (6) preconceitos (6) tabus (6) efeito zenão (5) experimento da fenda dupla (5) líria (5) medo (5) o mestre (5) outras dimensões (5) vida após a morte (5) a evolução do processo da rh (4) eletro-magnetismo (4) fenda dupla (4) magia (4) protocolo (4) agenda reptiliana (3) as chaves de nefertiti (3) as máscaras de Deus (3) atendimento (3) contabilidade cósmica (3) educação (3) energia sexual (3) estado de consciência (3) eu sou (3) manifesto quântico (3) pnl (3) suicídio (3) traumas (3) vácuo quântico (3) yin yang (3) a criança índigo (2) arqueologia secreta (2) causa e efeito (2) depressão (2) nefertiti (2) osho (2) princípio da incerteza (2) mensagem de Líria (1) mensagem do pai (1) realidades paralelas (1)